[Especial] Fabulosos X-Men: Clube X e a Irmandade Feminina!

[Especial] Fabulosos X-Men: Clube X e a Irmandade Feminina!

fabulosos-x-men-clube-x-e-a-irmandade-feminina-destaque-1

Arcos Principais: Perdido de Amor (Lovelorn) e Irmandade (Sisterhood).
Publicação Original/ Brasil: Uncanny X-Men #504 ao #512, Uncanny X-Men Annual #2, Secret Invasion: Dark Reign (Marvel, 2009)/ X-Men #96 ao #98, #101 ao #103 (Panini, 2010).
Roteiro/ Arte: Matt Fraction/ Terry Dodson, Daniel Acuña, Mitchell “Mitch” Breitweiser, Yanick Paquette, Greg Land

fabulosos-x-men-clube-x-e-a-irmandade-feminina-3

A entrada de Matt Fraction (Gavião Arqueiro) em Fabulosos X-Men coincidiu com a transferência da base dos X-Men de Westchester para São Francisco, a cidade da diversidade. Uma fase com altos e baixos, amada e odiada entre os fãs. Fraction ficou responsável por retratar a equipe principal nessa nova “mansão”, que mais parece um forte de guerra. Os arcos anteriores (Divididos e São Francisco) trouxe ideias interessantes, mas um desenvolvimento e novos status quo bastante questionáveis. Este especial comenta sobre os dois arcos seguintes: Perdido de Amor e a Irmandade Feminina, com spoilers.

fabulosos-x-men-clube-x-e-a-irmandade-feminina-7

PERDIDO DE AMOR

Temos três histórias acontecendo ao mesmo tempo. A primeira é focada em Fera e Anjo, responsáveis por reunirem cientistas renomados para tentarem, mais uma vez, encontrar a “cura” para o Dia M. Hank já havia tentado de tudo, inclusive entrar em contato com vilões como Dr. Destino e Fera Negro em Espécie em Extinção. Agora, com poucas opções, Fera e Anjo formam o Clube X: um grupo composto por eles e Dr. Nemesis (um biogeneticista, co-criador do Tocha Humana original) e Madison Jeffries (mutante capaz de se comunicar com máquinas e manipulá-las); viajando para uma ilha remota entre o Japão e a Rússia a fim de chamarem o Dr. Yuriko Takiguchi ao clube.

fabulosos-x-men-clube-x-e-a-irmandade-feminina-8

Takiguchi imagina estar sob ataque soviético e dá um release the Kraken numa criatura gigantesca que sai do mar para atacá-los, além de auto-destruir o prédio. Tudo parece perdido, mas Anjo se transforma em Arcanjo e consegue matar o monstro. Fera fica incomodado por não saber que Warren estava sob influência de Apocalypse. Legal que Warren está pouco ligando pra isso. Eles oficialmente formam o Clube X e voltam pro Instituto, que a Prefeita de São Francisco diz estar parecendo uma base militar.

fabulosos-x-men-clube-x-e-a-irmandade-feminina-6

Enquanto isso, Colossus está traumatizado pela perda de Kitty e se sente um inútil no grupo, saindo dos X-Men e tentando fazer uma tatuagem, sem sucesso. Ele tenta se distrair e acaba encontrando um mutante que havia ameaçado sua família no passado. Fingindo ser um humano comum, acaba entrando pra gangue desse cara e descobrindo um caminhão lotado de mulheres sequestradas. Ele as liberta, detonando com a raça dos bandidos. Colossus acaba levando essas moças pro novo Instituto, que acaba se tornando uma espécie de santuário para todos que estão com medo da sociedade e precisam de um local seguro, seja mutante ou não.

fabulosos-x-men-clube-x-e-a-irmandade-feminina-4

Emma suspeita que Ciclope está escondendo algo e entra em sua mente para tentar encontrar algo, mas só encontra corredores repletos de mulheres que Scott já teve interesse. Ela só fica surpresa por não encontrar nenhuma ruiva, além de uma caixa preta misteriosa, onde ele guarda seus segredos. Leis anti-mutantes começam a surgir novamente, já que o incidente no Alaska com a criança messias está sendo associado aos mutantes. As cidades estão com medo que nasça algum mutante e grupos venham destruí-la, gerando leis de controle de natalidade.

fabulosos-x-men-clube-x-e-a-irmandade-feminina-5

Em relação aos arcos anteriores, houve uma melhora significativa. Emma e Colossus, blindados, protagonizam uma luta muito boa com os bandidos russos. Piotr acaba aceitando melhor o sumiço da Kitty e consegue aguentar a dor da tatuagem, sem se transformar em aço. Mas ele tatua o que? Pelo que dá pra ver, é um fucking coração no peito! Assim não dá. Outros dois pontos interessantes: Magneto parece ter recuperado seus poderes graças ao Alto Evolucionário e energia celestial e Sebastian Shaw está sob prisão particular de Emma.

fabulosos-x-men-clube-x-e-a-irmandade-feminina-9

ANNUAL 2009 e o REINADO SOMBRIO

Em Invasão Secreta: Reinado Sombrio, Norman Osborn (o Duende Verde) convida Emma Frost, Namor, Lady Loki, Capuz e Doutor Destino para uma pequena reunião. Osborn foi um dos responsáveis pelo fim da Invasão Skrull, ficando bem na fita e um nome importante a nível mundial. Ele quer formar um clube secreto, que fará o que ele mandar: a Cabala. Todos são ameaçados e/ ou chantageados por ele, mas receberão em troca imunidade. Percebemos que Destino e Namor estão planejando algo pelas costas de todos.

fabulosos-x-men-clube-x-e-a-irmandade-feminina-10

Essa edição é importante para entender o que acontece em Annual 2009, focado em Emma Frost: no passado, entre os bacanais do Clube do Inferno, Shaw recebe Namor e tenta persuadi-lo para ser o Rei Branco, mas ele nega. Shaw, então, envia Emma para tentar o plano B. Em Atlântida, ela acaba tendo um caso com ele e quase conseguindo, mas Shaw invade o lugar com Sentinelas de Donald Pierce e acabando a farra. Selene apaga as lembranças de Emma sobre o ocorrido. No presente, Emma diz ter recuperado todas essas memórias e quer vingança. Tanto de Namor quanto de Shaw. Convidando os dois para a antiga sede do Clube e efetuando um golpe: decepa a cabeça de Shaw, entregando numa bandeja para Namor, que também queria vingança. Mas na realidade foi tudo uma ilusão para que Namor acreditasse, acabando por aprisionar Shaw no porão da nova base. Achei essa “simulação” muito rápida e fácil, mas a arte de Daniel Acuña (Fabulosos Vingadores) e Mitchell “Mitch” Breitweiser (Capitão América: A Escolha) é sensacional!

fabulosos-x-men-clube-x-e-a-irmandade-feminina-2

IRMANDADE FEMININA

O segundo arco principal traz de volta a clone de Jean Grey e ex-esposa de Scott: Madelyne Pryor, tida como morta. Na verdade ela volta quase como um espírito, que precisa encontrar um corpo forte o suficiente para encarnar: o corpo da falecida Jean. Ela reúne um grupo de femme fatales (Lady Letal, Quimera, Espiral e as irmãs Mentais) para atacarem os X-Men e descobrirem o corpo. No Japão, Dominó é a primeira a descobrir por acaso o grupo, quando realizavam um ritual para ressuscitar Kwannon, o corpo oriental original da Psylocke. Dominó não consegue vencer o grupo, que se teleportam.

fabulosos-x-men-clube-x-e-a-irmandade-feminina-3

Chega a ser engraçado a invasão da “Irmandade” no QG dos X-Men, conseguindo derrubar os telepatas e capturar a Psylocke. Engraçado porque a arte é do Greg Land, que mostra todo mundo apanhando mas estampando um sorriso no rosto. Detalhe: o mesmo sorriso. Sem contar os xingamentos de “vaca” e “piranha” a doidado. Mas a batalha é boa: ótimas cenas de luta entre Letal e Psylocke cravando as unhas e espada em Wolverine, ou as Cuco batendo forte na Quimera, que é super subestimada. O grupo consegue um tufo de cabelo da Jean (que era guardado pelo Logan, gerando um climão) e localizam e se transportam para o cemitério. Mas são pegas de surpresa por Dominó, que trocou o corpo da falecida. Madelyne acaba não aguentando o corpo fraco e desaparece, com o seu grupo fugindo e Betsy voltando a si.

fabulosos-x-men-clube-x-e-a-irmandade-feminina-12

Em seguida, o Clube X do Fera recruta Psylocke e Kavita Rao, voltando ao passado para localizarem os pais do Dr. Nemesis, que seriam os humanos portadores do Gene X recessivo. O DNA deles poderia explicar o nascimento de um novo mutante ou permitir outros. É uma aventura um pouco genérica, travestida de steampunk. Genérica porque traz o clássico “passado que repete o presente”: o pai de Nemesis trabalha num gerador de energia para o pai de Sebastian Shaw, numa versão antiga do Clube do Inferno. Com direito a um Sentinela steampunk movido por essa energia.

fabulosos-x-men-clube-x-e-a-irmandade-feminina-1

O Clube X consegue as amostras de DNA, mas de volta ao presente descobrem que elas estão enterradas embaixo de um celestial de ouro no Central Park. Esses arcos de Fabulosos X-Men pelo Matt Fraction foram bem melhores que os primeiros, mas ainda falta aquele tchan. O Clube X do Fera está focado em encontrar um modo de reverter o Dia M pela enésima vez. A Irmandade Feminina de Pryor conseguiu render bons momentos, principalmente de ação e violência. Mas também o retorno da falecida e o desbunde do grupo ficaram meio vagos. A arte de Yanick Paquette (Monstro do Pântano) na aventura stampunk é muito boa, dando um tempo no Greg Land.

nota 7,5 0

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comments

comments

Estudante de Artes, consumidor compulsivo de HQs, amante da psicodelia, sonhos, nonsense, teorias da conspiração e colagens. Um mutante. Autor da Central dos Sonhos. + www.filfelix.com.br