[Review] Fábulas Vol. 4 - A Marcha dos Soldados de Madeira!

[Review] Fábulas Vol. 4 – A Marcha dos Soldados de Madeira!

Fábulas Vol. 4 - A Marcha dos Soldados de Madeira

Nome Original: Fables #19 à #21 e #23 à #27; Fables: The Last Castle
Editora/Ano: Panini, 2009 (Vertigo, 2003/ 2004)
Preço/ Páginas: R$32,90/ 244 páginas
Gênero: Alternativo/ Fantasia
Roteiro: Bill Willingham
Arte: P. Craig Russell, Mark Buckingham, Craig Hamilton
Sinopse: Durante séculos, as fábulas vigiaram os portais entre nosso mundo terreno e sua terra mágica perdida, sempre em busca de qualquer indício de invasão ou da chegada de novos fugitivos. Agora, após décadas de calma, parece que alguém finalmente escapou da opressão do Adversário e conseguiu chegar em busca de proteção. Mas, aparentemente, esse novo visitante não vem sozinho e o que ele traz consigo pode causar a destruição total da Cidade das Fábulas! Os tempos de paz acabaram, agora é guerra!

***

Finalmente dou continuidade à Fábulas! Comecei a acompanhar no final de 2012, quando a Panini relançou os três primeiros volumes da série, que estavam esgotados. Mas quando ia pro quarto, surpresa: também se esgotou! Só agora ela o republicou e já corri atrás do meu! Faz um ano que não lia, então tive que dar umas recapituladas. Pra quem não se lembra, esse quarto volume foi o primeiro que a Panini publicou, continuando de onde a Devir/ Pixel havia parado.

Fábulas Vol. 4 - A Marcha dos Soldados de Madeira O Último Castelo

Resumindo a história até aqui: a Cidade das Fábulas é uma comunidade secreta dentro de Nova York, servindo de abrigo às fábulas que fugiram de suas Terra Natais, perseguidas pelo Adversário. Conhecemos a Cidade, o prefeito Rei Cole, a vice Branca de Neve e sua irmã Rosa Vermelha, além do Xerife Bigby Lobo e outros no Vol. 1 Lendas no Exílio. No Vol. 2 A Revolução dos Bichos temos a Fazendo, o anexo da Cidade que abriga todas as fábulas não-humanas, entrando numa guerra civil liderada por Cachinhos Dourado. Pra mim o melhor arco até agora. E no Vol. 3 O Livro do Amor acontece o inesperado: Branca de Neve fica grávida de Lobo! E a possível morte de Cachinhos.

Tudo recapitulado, chegamos à este volume “A Marcha dos Soldados de Madeira”, um arco bem maior que os anteriores. Abre a edição o especial “O Último Castelo”, com o Garoto Azul relembrando como foi a última luta das Fábulas contra o exército do Adversário, como Barba Azul levou a última remessa de fugitivos à Cidade. Ação do começo ao fim e com os ótimos desenhos de Craig Hamilton (Lúcifer) e finalização de P. Craig Russell (Coraline – Graphic Novel), as sequencias finais são emocionantes. Além de funcionar como prelúdio do arco principal, também apresenta a Chapeuzinho Vermelho, que se apaixona pelo Garoto Azul, mas que nunca mais foi vista desde a invasão.

Fábulas Vol. 4 - A Marcha dos Soldados de Madeira página 4

Voltando ao presente, a Cidade enfrenta novos desafios. O Príncipe Encantado decide ser candidato à prefeito; Rei Cole começa a confiscar todos os bens de Barba Azul, morto na última edição; e a misteriosa vinda de Chapeuzinho Vermelho, a primeira fábula a sair das Terras Natais em séculos, deixa todos alvoroçados. Bigby não engole sua conversa e inicia uma investigação.

Em paralelo, três Soldados de Madeira planejam invadir a Cidade e matar a todos com seu exército. O ápice da edição está neste ataque, com centenas de “Agentes Smith” atirando pra todo lado, com as Fábulas humanas e não-humanas fazendo o possível pra se defenderem. Várias perdas durante as batalhas, algumas até significativas. Spoiler: o filho do casal Urso, Pinóquio e a Guarda Roedora, por exemplo.

Fábulas Vol. 4 - A Marcha dos Soldados de Madeira página 3

Por mais que este volume seja longo, sua leitura é muito agradável e a série caminha maravilhosamente bem. A releitura das fábulas é um dos trunfos de Bill Willingham, mas as situações que ele cria que são os destaques. Branca está grávida de Lobo, os bebês que nascerem ficarão na Cidade ou na Fazenda? Pinóquio pensava que seu pai estava morto, mas com a vinda dos Soldados de Madeira, fica provado que Gepeto está vivo e provavelmente sendo escravizado pelo Adversário. Aos poucos também vamos percebendo quem está exilado e quem está morto/ desaparecido. As inter-relações dos personagens também são ótimas, como Bigby ter sido o mesmo Lobo que atacou Chapeuzinho. Curioso que há uma fábula fora da Cidade, que decidiu viver entre os mundanos.

Fábulas Vol. 4 - A Marcha dos Soldados de Madeira página 2

“A Marcha dos Soldados de Madeira” começa e termina com uma batalha e, apesar de não ser tão incrível quanto foi “A Revolução dos Bichos“, é excelente. A arte de Mark Buckingham, como de costume, é muito competente e cheia de “ornamentos”, sempre dando pistas da própria história através dos quadros. A edição da Panini segue o padrão capa cartonada e miolo LWC, um “Anteriormente” e “Quem é Quem” como extras, além das capas originais de James Jean, sempre fascinantes. Agora é rumo ao Vol. 5, pra tirar o atraso (a série está atualmente no Vol. 17!)

nota 9,0 ;

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comments

comments

Estudante de Artes, consumidor compulsivo de HQs, amante da psicodelia, sonhos, nonsense, teorias da conspiração e colagens. Um mutante. Autor da Central dos Sonhos. + www.filfelix.com.br