[Review] X-Men Extra #23 !

[Review] X-Men Extra #23 !

X-Men-Extra-2323

Nome Original: Exiles #17; X-Treme X-Men #14; X-Statix #2; Mekanix #3
Editora/Ano: Panini, 2003 (Marvel, 2002)
Preço/ Páginas: R$6,00/ 100 páginas
Gênero: Ação/ Super-Herói
Roteiro: Judd Winick; Chris Claremont; Peter Milligan;
Arte: Salvador Larroca; Juan Bobillo; Mike Allred; Jim Calafiore
Sinopse: X-Treme X-Men: Vargas, o assassino de Psylocke, está de volta. E seu alvo é… Vampira! Exilados: Blink e seus amigos tentam salvar um mundo dominado pelos répteis! X-Táticos: mergulhado em conflitos internos, o grupo ameaça se esfacelar. E os primeiros a se enfrentar são Guy e Tyke! Mekanix: a revelação de seus poderes trouxe muitos problemas a Kitty, que tem de encarar a polícia, o FBI e os radicais do grupo Pureza.
***
.
Edição bem insossa de X-Men Extra, onde nada de muito interessante acontece. X-Treme trata de mil assuntos catastróficos ao mesmo tempo, mas não dá profundidade a nenhum deles. Mekanix trata do já conhecido medo de Kitty mostrar seus poderes e ser perseguida por anti-mutantes fanáticos do grupo Pureza, o que contrasta com X-Táticos, onde apresenta um abordagem mais “paz e amor” e, inclusive, de adoração aos mutantes. Exilados se destaca por ser descomprometida e a história mais engraçada deste mix.

X-Treme-X-Men-2317X-Treme X-Men: a história começa com a chegada de Vargas, vilão que apareceu no começo da série e matou a Psylocke, sumindo em seguida. Sua presença não faz sentido e nem agrega, ainda mais agora. É tanta coisa acontecendo, como se fosse o fim do mundo, mas sabemos que não será levado adiante quase nada (como a própria morte de Betsy e do “vilão” que a matou). Fluxo está salvando umas vidas aleatoriamente; Pássaro Trovejante, Bishop, Sábia e Salva-Vidas chegam a nave de Khan, porém são descobertos. Tempestade é atacada por outras concubinas do rei. Vale comentar que Salva-Vidas pode ter origem Shiar, por isso sua aparência.

Exiles-2317Exilados: o grupo é transportado para uma realidade onde o Dr. Curt Connors, o Lagarto, transforma outras pessoas em répteis e em poucos anos essa nova espécie dominou a Costa Oeste dos EUA. Há uma bomba nessa nova terra que os Exilados precisam encontrar. Apesar de uma ideia interessante para a história do Lagarto, isso é deixado em segundo plano (já que é resolvido nessa edição mesmo) e vemos a convivência do grupo se deteriorando. O Mímico parece frustrado com a situação, em não poder ajudar as pessoas, além de sua relação com Blink estar por um fio. Mas o destaque fica para o Morfo, hilário: há mais de um ano com o grupo e sem ter se relacionado com ninguém, está subindo pelas paredes. Dá indiretas à Sasquatch, Nocturna e diz que pode até virar mulher para ficar com a Solaris. A melhor sequencia dessa X-Men Extra.

X-Statix-232X-Táticos: segunda história da equipe sobre o nome de “X-Táticos”, agora com a volta de Mike Allred nos desenhos, porém é a história que já estamos acostumados a ver, inclusive com as convencionais brigas internas. Apesar de começar a cair na mesmice, continua sendo a série mais inusitada da revista. Descobrimos que Arnie, o garoto fanático no número anterior, possui poderes telepáticos e controla uma cidade e a equipe rival O-Force é enviada pra lá. Destaque para Vênus Dee Milo e sua forma original, uma espécie de “gelatina”, e para Adiposo ter perdido os poderes, aparentemente.

Mekanix-233Mekanix: Kitty, após revelar seus poderes e salvar várias pessoas de um acidente, está sendo investigada pela polícia por ser uma possível suspeita. É a velha história do mutante que tenta esconder seus poderes, mas acaba liberando numa situação de risco. Xian, a Karma, meio que acabou se envolvendo na história e agora as duas tentam resistir aos ataques violentos dos fanáticos do grupo anti-mutante Pureza, mesmo sem ter certeza a respeito delas. Esse fato do preconceito, apesar de sempre presente em X-Men, contrasta com o que acabou de ser visto em X-Táticos, onde o grupo é adorado pelo público.

OK, X-Táticos praticamente não faz parte da cronologia mutante, mas mesmo assim o roteiro de Claremont é ultrapassado (tanto em Mekanix quanto em X-Treme). Essa forma de tratar o ódio da humanidade contra os mutantes já foi mostrada um milhão de vezes, inclusive pelo próprio Claremont no passado, porém de uma maneira melhor. Exilados e X-Táticos não trazem seu melhor, mas continua interessantes e legais de se ler.

nota 6,5 8
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comments

comments

Estudante de Artes, consumidor compulsivo de HQs, amante da psicodelia, sonhos, nonsense, teorias da conspiração e colagens. Um mutante. Autor da Central dos Sonhos. + www.filfelix.com.br