[Eu Vi] O Velho Moinho (Oscar 1938 de Curta Animado) !

[Eu Vi] O Velho Moinho (Oscar 1938 de Curta Animado) !

o-velho-moinho-curta-capa
.
Nome Original: The Old Mill
Direção/ Ano: Wilfred Jackson, 1937
Roteiro/ Estúdio: Wilfred Jackson / Walt Disney Productions
Duração: 9 minutos
Sinopse: A vida dos animais que moram num antigo moinho e ao seu redor mudam após enfrentarem uma tempestade ameaçadora.

Continuando a série de especiais que reunirá os vencedores desta categoria tão obscura do Oscar, ano por ano. Leia o post [Especial] O Oscar de Melhor Curta-Metragem de Animação para conhecer um pouco da trajetória do prêmio pela Acadêmia e o Índice dos Curtas para os já comentados.
 
Vencedor do sexto Oscar de Curta Animado, O Velho Moinho é considerado uma das melhores animações de todos os tempos, ficando em 14º lugar no livro The 50 Greatest Cartoons. Depois de três vencedores razoáveis, a Acadêmia acerta a mão e entrega o prêmio a um ótimo curta. 


1937 foi o ano de estréia do badalado Branca de Neve, considerado o primeiro longa metragem animado. Os curtas que antecedem esta data funcionaria como teste para a superprodução do longa, explorando novas técnicas de animação. O Velho Moinho possui diversas qualidades, mas sua excelência não está no roteiro, um pouco batido diga-se, mas em toda a parte técnica, inovando em diversas áreas.

Na história, o velho moinho é o personagem principal, mostrando como é a vida dos animais que moram nele e ao redor. Tudo muito pacato e simpático, até que surge uma tempestade que ameaça destruir tudo, prejudicando diretamente os animais. Há cenas musicais, de amor, de medo e de comédia. Os destaques ficam para os sapos cantores e para o casal de pássaros, principalmente quando a “mãe” se desespera. As sacadas no musical são excelentes (como dos gafanhotos).


Voltando à parte técnica, a Disney sai na frente mais uma vez e inova: é utilizado múltiplas câmeras de captação, avançado e complexo sistema de cores, luz, sombra e rotação em 3D para gerar sequencias incríveis, como da própria chuva, dos trovões, o reflexo no lago, a teia de aranha, luminosidade, ventos, além da caracterização animal. Sem dúvidas, um curta muito bem desenvolvido. Se tornou clássico rapidamente e alguns de seus personagens, como o próprio moinho, já figuraram em outras animações Disney.

Super recomendado, principalmente pelo seu valor histórico. Porém, ao telespectador comum, é apenas uma animação bem desenvolvida, a falta de uma história mais linear acaba prejudicando o resultado final. 

 
 
nota 8,5 z
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comments

comments

Estudante de Artes, consumidor compulsivo de HQs, amante da psicodelia, sonhos, nonsense, teorias da conspiração e colagens. Um mutante. Autor da Central dos Sonhos. + www.filfelix.com.br